LIVRO Qual é a solução PDF Ubaldino de Barros

BAIXAR LIVRO ONLINE

Resumo

Este trabalho tem como intuito mostrar um novo ponto de vista da Ética, da Sociedade, da Revolução Francesa, das Seitas, dos Intelectuais; quis fazer criticas sucintas, as quais os filósofos – os psicólogos da sociedade – não se preocupam em fazer, porque preferem ficar discutindo as obras dos principais autores de renome, ou escrevem para se promoverem na mídia e ganhar dinheiro.Quero mostrar ao leitor, que o filósofo não é pra ser concordado, mas sim criticado e refutado. A obrigação do filósofo é discutir assuntos polêmicos trazendo-os para uma discussão com a sociedade. O filósofo tem a obrigação de fazer o povo pensar. Neste livro, eu jogo lenha na fogueira. Critico em geral, todas as seitas, o especismo humano, não poupo nem a ciência, nem as tecnologias e nem o tempo moderno.Mostro também, que a liberdade de expressão não é mais um tabu. No passado muitos pensadores – por desenvolverem um pensamento contrário a Religião ou Governo predominantes – foram punidos com prisões, torturas, desterros, porém tais castigos não os calaram; seus ensinamentos estão vivos até hoje. Na atualidade, temos liberdade de expressão, mas os pensadores não se manifestam e assistem o naufrágio dos povos e nações.Quanto ao fanatismo religioso, todas estas instituições, já estiveram ou estão atualmente no poder e não conseguiram erradicar a fome, pobreza, miséria e analfabetismo. O cientificismo e ateísmo não ficam atrás, ambos pecam pelos mesmos erros. As distintas formas de governo seja comunismo, socialismo, capitalismo, monarquia, ditadura, militarismo, também pecam em suas administrações, pois nenhuma se mostrou melhor do que a outra. Todas elas derramaram sangue e escravizaram seus cidadãos. As principais revoluções que ocorreram privilegiaram os poucos, ou seja, aqueles que elaboraram os planos e se valeram do povo como massa de manobra.Por fim, mostro que o especismo humano destruiu florestas e animais, causando a extinção de vários seres na natureza, porém os frutos estão sendo colhidos pela humanidade: os rios estão poluídos, o solo contaminado, o ar é uma fumaça negra, os alimentos são transgênicos, a carne contém excesso de hormônios. O crescimento tecnológico criou um exército de sedentário e o progresso um exército de escravos do consumismo. O homem de agora se alimenta mal, e vive mal, ele além de escravo é também um ser artificial

Leia um trecho do eBook, clicando na capa acima.



R$ 0,00 KindleUnlimited

Gratuito com assinatura ilimitada do Kindle https://www.amazon.com.br Ou R$0,00 para comprar